Pulicose

 

Origem

Trata-se de uma infestação por pulgas, parasitas habituais de cães e gatos. A espécie mais comum tem o nome de Ctenocephalides felis. As pulgas dos roedores, aves e dos pequenos carnívoros podem excepcionalmente parasitar os cães.

Principais sintomas

Os cães sensíveis às picadas de pulgas coçam-se, lambem-se e mordiscam-se subitamente provocando lesões de tipo inflamatório, pápulas ou áreas sem pêlo, nomeadamente na região dorso-lombar e base da cauda. Em caso de alergia à picada de pulga, o animal coça-se de forma violenta, as lesões podem-se apresentar muito inflamadas e extensas, ainda que se trate uma infestação reduzida.

clip_image001

Lesões de dermatite por alergia à picada de pulga.

Forma de contágio

O contágio é directo entre os cães, mas também pode ocorrer através de gatos existentes nas proximidades do canil.

Prevenção

Passa pelo tratamento dos animais e do meio ambiente para impedir o desenvolvimento dos parasitas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: