IMPINGEM

Doença contagiosa da pele, causada por micróbios e bactérias que criam pequenas bolhas contendo um líquido claro que adquire consistência purulenta um dia após surgirem.
A bolha seca e ganha uma crosta amarelada, que se desprende facilmente da pele. O contágio se dá diretamente de uma pessoa para outra ou através de objetos de uso comum. Para evitar a propagação da doença, o paciente deve resistir ao desejo de coçar-se e separar suas toalhas, lençóis, roupas e utensílios pessoais dos de outros membros da família.
Quando se permite que a doença permaneça por longo tempo sem tratamento, surgem algumas complicações, tais como ataque de outros germes às feridas, infestação de ácaros ou piolhos, e até mesmo NEFRITE e UREMIA.
Para acelerar a cura, evite alimentos gordurosos (frituras, queijos, manteiga, margarina) e as carnes, principalmente as de origem suína. Use alimentação rica em DEPURATIVOS DO SANGUE e composta basicamente de frutas frescas e vegetais crus. Beba água pura e fresca em abundância.

 

TRATAMENTOS

Hortaliças

Agrião • Suco diluído em água. Tomar 250 ml de manhã em jejum.
Alho • Amassar 3 dentes de alho e deixá-los de molho durante 6 horas. Lavar as feridas com a água de alho várias vezes ao dia. E recomendável aplicar primeiramente numa pequena região e observar se surge alguma reação alérgica.
Inhame • Utilizar elixir de inhame, à venda em lojas de produtos naturais. Incluir inhame na alimentação, cozido em vapor e temperado com azeite de olivas.
Repolho •Lavar as feridas com suco das folhas. Amassar folhas de repolho e fazer compressas sobre as feridas.

Frutas

Jaca • Refeições exclusivas 2 vezes por semana. Veja no link.
Limão • Cura de limão. Veja no link.
Maçã • Refeições exclusivas 3 vezes por semana. Veja no link.

 

 

Plantas

Ipê-rôxo • Chá da casca da árvore (20 g para 1 litro de água). Lavar as feridas com o chá.
Melão-de-são-caetano • Chá das folhas e frutos (30 g para 1 litro de água). Lavar as feridas com o chá.
Tanchagem • Chá das folhas (20 g para 1 litro de água). Tomar 4 xícaras ao dia.
• Chá das folhas (60 g para 1 litro de água). Lavar as feridas com o chá.

Outros Tratamentos

Levedo de Cerveja • Tomar 2 comprimidos junto às refeições.
Mel de Abelhas • Aquecer levemente e aplicar cataplasmas sobre as feridas 2 vezes ao dia, com duração de 1 hora cada.
Texto extraído do livro “Medicina Alternativa de A a Z”, Carlos Nascimento Spethmann

Como evitar?

Hábitos higiênicos são importantes para se evitar as micoses.Previna-se seguindo as dicas abaixo:

  • Seque-se sempre muito bem após o banho, principalmente as dobras de pele como as axilas, as virilhas e os dedos dos pés.
  • Evite ficar com roupas molhadas por muito tempo.
  • Evite o contato prolongado com água e sabão.
  • Não use objetos pessoais (roupas, calçados, pentes, toalhas, bonés) de outras pessoas.
  • Não ande descalço em pisos constantemente úmidos (lava pés, vestiários, saunas).
  • Observe a pele e o pêlo de seus animais de estimação (cães e gatos).Qualquer alteração como descamação ou falhas no pêlo procure o veterinário.
  • Evite mexer com a terra sem usar luvas.
  • Use somente o seu material de manicure.
  • Evite usar calçados fechados o máximo possível.Opte pelos mais largos e ventilados.
  • Evite roupas quentes e justas.Evite os tecidos sintéticos, principalmente nas roupas de baixo. Prefira sempre tecidos leves como o algodão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: